26 de fevereiro de 2017 A um dia do Oscar, Academia cancela indicação na categoria de mixagem de som

Em reunião realizada na última quinta-feira (23), a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas resolveu cancelar a indicação de Greg P. Russell, por “13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi”, na categoria de mixagem de som. Isso porque a Academia foi alvo de lobby via telefone, realizado ainda antes do anúncio das indicações.

Segundo a Academia, Russell teria telefonado a colegas que pertenciam à comissão, no intuito de divulgar seu trabalho no longa-metragem. Tal iniciativa vai de encontro ao rígido código de conduta da premiação.

Apesar da desclassificação, a indicação do filme na categoria foi mantida, assim como a dos técnicos de som Gary Summers, Jeffrey J. Haboush e Mac Ruth. Esta foi a única indicação obtida pelo filme dirigido por Michael Bay, que concorre com “A Chegada”, “Até o Último Homem”, “La La Land” e “Rogue One” pela cobiçada estatueta dourada.

Esta não é a primeira vez que a Academia toma uma decisão do tipo. Em 2014, a canção “Alone Yet Not Alone”, do filme homônimo, foi indicada e posteriormente desclassificada, também por lobby ilegal.

A cerimônia do Oscar 2017 acontecerá hoje à noite, a partir das 22h30.

Comentários